Ads Top

O milagre de Bettina


Por Renato Battista

Se você já assistiu algum vídeo no Youtube, muito provavelmente você já viu a propaganda da Empiricus em que a jovem Bettina diz ter um patrimônio de mais de 1 milhão de reais com apenas 22 anos. Bacana. Eu não criminalizo a riqueza. Sinceramente, não estou nem aí se ela conseguiu esse dinheiro por mérito próprio ou por herança.  O problema e a discussão em torno da riqueza de Bettina é outro: estão mentindo para você.

O economista Samy Dana fez uma análise sobre o sucesso bombástico da jovem de 22 anos em seu Twitter. Samy diz que, se for verdade que a garota multiplicou seu patrimônio de R$1.520 em 685,53 vezes para chegar aos R$1.042.000 em 3 anos e que a estratégia dela é replicável para qualquer consumidor de vídeos de Youtube, a jovem Bettina chegaria aos 37 anos com 157 quintilhões de reais (2 milhões de vezes o PIB americano de 2018). Apesar da brincadeira, o economista alerta seus seguidores para ficarem atentos – e céticos – perante aqueles que oferecem resultados gigantes em tempos exíguos.

O que Bettina não te contou é que os ganhos obtidos por ela para chegar a este patrimônio consistem em a) Salário (alto) na Empiricus b) Bônus de venda de newsletters e afins c) Os R$1.520,00 foram apenas o primeiro aporte da garota, ou seja, outros aportes ocorreram durante esta linda trajetória.

E, claro, todos estes fatores somados resultam em um valor altíssimo de investimento para que ela tenha chego ao valor de R$1 milhão. Não existe investimento nenhum que transforma R$1.520,00 em R$1.042.000,00 em 3 anos. A propaganda induz as pessoas ao erro; quem assiste é induzido a acreditar que estes resultados podem ser feitos na bolsa.

No final das contas, uma fração muito pequena do patrimônio de Bettina deve ter sido obtida por meio de investimento. A correlação entre o patrimônio dela e os investimentos guiados pela consultoria é quase nula. Acreditar que com mil e poucos reais é possível chegar ao milhão em menos de 3 anos é como acreditar que basta cobrar os grandes devedores para acabar com o rombo da previdência social brasileira. Eu tenho minhas dúvidas se esse tipo de propaganda enganosa ajuda as pessoas a investirem ou fazem com que elas gastem seu dinheiro em busca de um sonho que nunca vai chegar.

Como cristão, acredito em milagres, mas não no mercado financeiro.

Renato Battista é cientista político e coordenador do Movimento Brasil Livre.
Tecnologia do Blogger.