Ads Top

Votar em Bolsonaro é motivo para acusar um idoso humilde de ser pedófilo ou o antibolsonarismo virou doença?



Matéria de Leandro Sarubo no Teleguiado esclarece a polêmica surgida em torno do aposentado , o "Vovô do Youtube". 

Autora de boato sobre Vovô do Slime confessa motivação política e assume não ter provas

Horas depois de acusar Nilson Izaias, o Vovô do Slime, de ser pedófilo, a twitteira @magconfeminist escreveu que “podem até ter provado dele não ser pedófilo”, mas que ainda o achava nojento por assistir vídeos de garotas no YouTube e “votar no Bozo”.
“Sim, envolvo política em tudo. Sou petista, sim, e bolsominion aqui não tem local de fala”, ratificou.
O que dizer dessa justificativa?
Os militantes brasileiros conseguem ser mais sórdidos e canalhas que os políticos brasileiros
***
A twitteira @magconfeminist deletou o tweet com a acusação a Nilson e trancou o perfil.
O Teleguiado disponibiliza aqui e aqui os arquivos das postagens.
***

A acusação O update
***
NÃO CUSTA LEMBRAR: REDE SOCIAL NÃO É TRIBUNAL. TWITTEIRO NÃO INVESTIGA. TWITTEIRO NÃO JULGA. TWITTEIRO NÃO CONDENA.
DEIXEM O TRABALHO DA JUSTIÇA NAS MÃOS DA JUSTIÇA.



continua depois da publicidade



Isso é simplesmente monstruoso e degradante. Imputar crime a um indivíduo apenas por conta da orientação política do sujeito é algo que transcende qualquer limite do razoável. Estamos em uma sociedade habitada por leprosos morais que não pensam duas vezes antes de destruir a reputação de alguém apenas pelo exercício da divergência política. 

Ora, em que mundo vivemos? Os seres que mais gritam pela empatia, democracia, tolerância e diversidade são os mesmos que atuam como milicianos nas redes sociais, denegrindo reputações e destruindo vidas apenas para punir hereges?

Não há nada mais parecido com o Tribunal do Santo Ofício do que os tribunais tribais estabelecidos nas redes sociais. É por estas e outras que este blogueiro sempre se insurgirá contra esta selvageria tocada pelos inquisidores do século XXI. O corpo é de humano, mas o espírito é de porco e o método é de abutre. Que o senhor Nilson Izaias consiga se recuperar deste aborrecimento e que consiga na justiça uma bela indenização da criminosa ou criminoso que tentou lhe destruir. No entanto ainda cabe a sociedade brasileira fazer valer os valores que a porca esquerda defende apenas no nome. Quem quiser fazer oposição ao governo Bolsonaro deve não só exercer seus direitos como deve atuar justamente de forma responsável para que as coisas entrem em equilíbrio. E isso não se faz com mentiras, crimes virtuais e linchamentos. Isso pode significar apenas que o antibolsonarismo virou doença.

Curta o Reacionário no Facebook:


[left-sidebar]
Tecnologia do Blogger.