Ads Top


Herói justiceiro, Janot tira a máscara e dispara contra todos. Seus alvos agora vão de Moro a Bolsonaro


Antigo herói justiceiro caído em desgraça, o ex- Procurador Geral da República Rodrigo Janot agora entende que não é mais necessário se fingir de democrata. Quem fez a observação foi a jornalista Madeleine

Pois é. Uma breve olhada no Twitter do sujeito deixa claro que o farsante já não se faz mais de rogado. Lá ele anda disparando para todos os lados: critica desde Moro a Jair Bolsonaro, enquanto elogia extremistas de esquerda.









continua depois da publicidade

O mais curioso é que o ex-PGR ataca até mesmo o juiz federal Sérgio Moro. Para fundamentar suas críticas, ele compartilha até mesmo da narrativa petista de que a ida de Moro para o Ministério da Justiça e Segurança Pública reforçam a tese do golpe e perseguição política contra Lula. Detalhe: Janot se colocava como um dos maiores defensores da Operação Lava Jato, utilizando toda a sorte de subterfúgios para dizer que a operação corria risco.



Durante todo tempo este blog avisou que tudo não passava de uma farsa, que o justiceiro não passava de um infiltrado. Quando o PGR concedeu aqueles mirabolantes benefícios ao criminoso Joesley Batista em troca da gravação de Michel Temer, ficou claro que tudo era uma conspirata. Infelizmente boa parte dos brasileiros acreditou na versão fajuta, levando a uma instabilidade dinamitou todos os projetos de recuperação econômica em andamento. Hoje Janot vive peregrinando no estrangeiro enquanto emporcalha o debate público com seu veneno. Ele próprio chegou a conclusão de que não havia mais ganho algum em se fingir de democrata, tanto que declarou voto em Fernando Haddad enquanto o Brasil tenta se recuperar da ruína deixada pelo petismo. Seria interessante ouvir o autor daquele cartaz infame que dizia que "Janot era a esperança do Brasil". No que dependesse dele, nossa esperança estaria morta e enterrada. 

Curta o Reacionário no Facebook:


[left-sidebar]

Tecnologia do Blogger.