Ads Top


"Vítima é a sociedade. Criminoso é criminoso", disse o General Villas Boas. Não poderia estar mais correto



Setores da extrema-esquerda não gostaram das considerações do general Eduardo Villas Boas sobre a segurança pública. Eles que destacavam as frases do comandante das Forças Armadas rechaçando rupturas institucionais pedidas por grupos minoritários agora estão ressentidos com o militar.

Mas o que Villas Boas disse de tão grave?

Vejamos:



Pois é, o general apenas identificou o estelionato retórico praticado por certos grupelhos que praticam o banditismo ideológico. Aos que não gostaram, resta o esperneio e o desejo por um país onde o bolivarianismo seja regra.



O Reacionário no Facebook:


[left-sidebar]

Tecnologia do Blogger.