Ads Top

Procurador de Justiça Criminal do RS diz que mostra tinha como objetivo a erotização de crianças. Como ficam agora os lacaios da porca imprensa?


Esta informação foi divulgada pela primeira mão pelo deputado estadual Marcel Van Hattem (PP-Rio Grande do Sul). Leiam com atenção.


Pergunta que não quer calar: onde fica a porca imprensa depois da fala do Procurador de Justiça Criminal do Ministério Público do Rio Grande do Sul, Dr. Alexandre Lipp? Como fica a Veja, a Globo, Mônica Waldvogel, Ricardo Boechat e até os Antagonistas? Sim, um dos quatro infames postou um comentário traçando paralelos boçais entre a exposição Queermuseu e obras renascentistas como “Os trabalhos de Hércules, de Vincenzo de Rossi. Pela presunção e pedantismo, provavelmente foi Diogo Mainardi. Convenhamos: quem faz uma comparação cretina dessas mostra que ou é muito mentiroso ou que não entende nada de arte. Pelos comentários do Facebook, parece que as cheerleaders de Hillary Clinton conseguiram desagradar mais ainda seus leitores. E olha que estavam se recuperando do vexame recente com Rodrigo Janot...

A postura vergonhosa dos janotistas deu o tom na imprensa, com muitos jornalistas não esquerdistas apoiando aquela monstruosidade apenas para não parecerem obtusos. O que importa para estes pobres de espírito é a aceitação social, não a verdade. Por isso omitiram detalhes básicos de sua avaliação, apenas para colar nos apoiadores do boicote a pecha de radicais obtusos. Ocorre que o comportamento errático em busca de aceitação social já é reprovável em adolescentes e crianças, quanto mais em gente velha que tenta esconder os já numerosos cabelos brancos. Aí o vexame só aumenta.


Curta O Reacionário no Facebook:

[left-sidebar]
Tecnologia do Blogger.