Ads Top

A Suprema humilhação de Lula




Hoje o senhor Luís Inácio Lula da Silva completa 71 anos. Sem festa. Sem homenagens. A extrema-esquerda tem coisas mais relevantes do que jogar confetes ao Grande Timoneiro. Hoje Lula é uma caricatura. Um fantasma. Um sujeito que não pode nem ouvir o interfone do apartamento tocar sem ter medo de que seja a Polícia Federal. De presente do povo, ganhou o ostracismo e repulsa. 

Lula até aproveitou para avisar por meio de seu capanga Paulo Okamoto que não vai votar no domingo, quando acontece o segundo turno das eleições. Em São Bernardo, berço do petismo, os dois candidatos à prefeitura brigam para ver quem é mais antipetista. Outro tapa na cara de Lula, que não conseguiu nem reeleger o filho para vereador. 

O máximo de homenagem que Lula teve foi a suína Gleisi Hoffmann com sua voz irritante declamando para um plenário vazio. No dia de seu aniversário, Lula ainda seria humilhado pelo Comissariado de Direitos Humanos da ONU, que desmentiu as bravatas de sua defesa. No dia do aniversário de Lula, uma garota filha de petistas teve mais holofotes que o chefe do plano criminoso de poder.


Que vergonha Lula. Nem em seus piores pesadelos deveria imaginar viver algo assim. Convenhamos: ainda é pouco para quem praticou crimes tão grandes.  


                                                                                                                                          
Colabore com o blog. Faça a sua assinatura ou doe para O Reacionário 

ass

btn_donateCC_LG (1)
Tecnologia do Blogger.